Crise Econômica? Veja como a aplicação de revestimentos contra desgastes pode lhe auxiliar na redução de custos de manutenção.

Estamos vivendo no Brasil a pior crise econômica dos últimos anos. As empresas fabricantes de bens de capital tiveram fortes reduções no seu nível de produção ocasionados pela redução do nível de investimento. A redução do quadro de funcionários é a primeira iniciativa adotada pela grande maioria das empresas mas, em muitos casos, acaba sendo insuficiente. Os profissionais iniciam então uma batalha para reduzir custos e em tudo que for possível.

Diante desse cenário, o aumento de vida útil de peças com a seleção adequada de revestimentos contra desgastes pode ser uma excelente estratégia. Nossa experiência mostra que, quando se faz uma correta seleção de materiais, a empresa consegue reduzir em mais de 50% o custo anual de troca de peças, sem falar nos custos associados (paradas de máquinas, estoques desnecessários, produção de itens defeituosos gerados por peças desgastadas, etc…)

Eu preparei 5 dicas importantes para você identificar os revestimentos contra desgastes que vão lhe proporcionar melhores reduções de custos, com aumento de produtividade.

1 – Identifique a situação problema adequada:: Certamente você tem diversas situações de desgaste nos seu processo produtivo. Mas é importante estabelecer prioridades. Busque resolver problemas de desgaste de peças que possuem maior valor agregado e que geram o maior nível de paradas para produção.

2 – Identifique corretamente o mecanismo de desgaste: Se você não souber o que está acontecendo na superfície e os fatores que estão ocasionando o problema, a chance de escolher materiais errados é muito grande e, nesse caso, os custos associados são elevados. Então estude corretamente os mecanismos de desgaste.

3 – Identifique as ligas disponíveis: Selecione aqueles materiais mais apropriados para o ambiente de trabalho específico. Lembre-se que não existem materiais ruins. Existem materiais mal aplicados. O melhor material é aquele que foi fabricado nas condições de trabalho identificados.

4 – Atue preventivamente. Não espere a peça se desgastar para aplicar um revestimento. Depois que a peça se desgastar, tudo fica mais caro. As camadas se tornam maiores, o resultado técnico é pior e o custo é maior. Sempre que possível, opte pela aplicação antes de a peça ser colocada em uso.

5 – Teste: Existem diversos laboratórios que podem simular o ambiente de trabalho e verificar preventivamente o potencial de ganho. É muito mais barato testar um corpo de prova numa bancada de teste do que experimentar no seu processo produtivo. Se algo não funcionar, não será no seu equipamento.

Baixe a seguir a apresentação do Centro de Pesquisa e Tecnologia para redução de custos de manutenção e aumento de produtividade.

Compartilhe este conteúdo:

Centro de Pesquisa e Tecnologia Rijeza

Nosso CENTRO DE PESQUISA E TECNOLOGIA é formado por equipamentos de ponta e pessoas qualificadas para oferecer as melhores soluções para resolver os seus problemas de desgaste.

ico-landing-page

Entre em contato conosco

Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

    Entre em contato conosco

    Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

      Qual é a sua necessidade?

      Entre em contato conosco e descreva qual o seu problema para que possamos avaliar de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

      Conheça os revestimentos contra desgastes metálicos e cerâmicos utilizados pela Rijeza.

      Conheça as principais aplicações dos revestimentos contra desgastes na indústria.

      Rijeza Metalurgia

      Revestimentos contra desgastes

      RS 240, KM 4, 3815, Bairro Scharlau
      São Leopoldo – RS

      Desenvolvido por
      SiriusPrime

      Qual a sua necessidade?

      Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

        Agradecemos pelo seu interesse!

        Faça o download deste material clicando no botão a seguir:

        ×

        Olá!

        Clique no contato abaixo para iniciar uma conversa:

        × Como podemos ajudá-lo?