Agronegócio no Brasil: desafios para 2018

O agronegócio no Brasil tem apresentado grande avanço ao longo dos anos. A equipe de vendas da Rijeza teve a oportunidade de presenciar as novidades do segmento durante a Expodireto Cotrijal, que aconteceu entre os dias 5 e 9 de março de 2018, na cidade de Não-Me-Toque/RS. A feira é uma das mais importantes do setor da agroindústria e nesse ano contou com mais de 265 mil visitantes e 527 expositores de mais de 70 países.

Através de uma análise estratégica do setor, é possível observar que entre as principais responsáveis por esse cenário em ascensão, estão as técnicas de plantio direto. A necessidade do agricultor por melhores resultados alavancou o crescimento tecnológico dos fabricantes, que avançaram numa velocidade impressionante para a agricultura de precisão. O que parecia uma tendência exclusiva da área industrial está avançando para o campo: a tecnologia da indústria 4.0 chegou também até a agricultura.

O que estamos presenciando é uma forte e acelerada profissionalização do agronegócio no Brasil. De um lado estão os produtores, que buscam o aumento da lucratividade através do melhor aproveitamento de seus equipamentos e da redução das perdas associadas aos processos produtivos, como as paradas para substituição de peças (que além de ocasionar a parada do plantio ou colheita no momento mais oportuno, acarretam custos de manutenção elevados). Do outro, estão os fabricantes, que acompanham de forma eficaz essas exigências e começam a oferecer equipamentos modernos com tecnologia de informação de última geração.

Outro fator importante que tem sido levado em consideração, tanto pelo produtor quanto pelo fabricante, é a preocupação com a durabilidade dos equipamentos. Com foco na produtividade e redução de custos, a indústria está levando para o campo tecnologias de tratamentos de superfícies cada vez mais sofisticadas (como a aplicação de revestimentos de carboneto de tungstênio, por exemplo) que antes eram consideradas caras, mas já passam a serem vistas como agentes de resultados, já que aumentam a durabilidade de peças-chave.

Leia também: Como melhorar a disponibilidade de equipamentos durante a safra

A continuidade dessas ações nos encaminha a um cenário otimista e promissor, não só para o agronegócio brasileiro, mas para toda a cadeia de fornecimento. Competir no mercado internacional com produtos de qualidade, oferecendo garantia de resultados positivos é uma tarefa que exige ferramentas apropriadas, já que o setor busca incansavelmente por soluções de aumento de produtividade tecnológica e financeira. Torcemos para que essa sinergia continue para que possamos colher frutos em todos os setores da indústria brasileira (que precisa urgentemente retomar seu crescimento).

Quer saber como melhorar a durabilidade de peças agrícolas em mais de 300%? Acesse abaixo o E-book: Revestimentos contra desgastes de peças agrícolas.

Compartilhe este conteúdo:

Revestimentos Contra Desgastes para a Indústria Agrícola

Esse e-book apresenta um Estudo de Caso de aplicação de revestimento contra desgaste em peça de implemento agrícola, assim com apresenta diversas aplicações para equipamentos de plantio e colheita.

ico-estudo-de-caso-2

Entre em contato conosco

Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

    Entre em contato conosco

    Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

      Qual é a sua necessidade?

      Entre em contato conosco e descreva qual o seu problema para que possamos avaliar de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

      Conheça os revestimentos contra desgastes metálicos e cerâmicos utilizados pela Rijeza.

      Conheça as principais aplicações dos revestimentos contra desgastes na indústria.

      Rijeza Metalurgia

      Revestimentos contra desgastes

      RS 240, KM 4, 3815, Bairro Scharlau
      São Leopoldo – RS

      Desenvolvido por
      SiriusPrime

      Qual a sua necessidade?

      Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

        Agradecemos pelo seu interesse!

        Faça o download deste material clicando no botão a seguir:

        ×

        Olá!

        Clique no contato abaixo para iniciar uma conversa:

        × Como podemos ajudá-lo?