Corrosão Atmosférica – O que é e como resolver?

Corrosão Atmosférica

Você sabe o que é a corrosão atmosférica? Conhece suas causas? Esse artigo tem como principal objetivo mostrar como você pode resolver esse mecanismo de desgaste e prevenir uma série de problemas com equipamentos, além de evitar o desperdício de muito dinheiro.

Essa forma de corrosão também pode ser classificada como corrosão eletrolítica. Esse tipo de corrosão acontece através da oxirredução da superfície exposta com a umidade do ar. É como uma pilha, na qual ocorre a transferência de elétrons entre os participantes do sistema, que, no caso, são os eletrólitos. Na corrosão atmosférica, a superfície exposta perde elétrons para o vapor de água presente no ar e, na maioria dos casos, reage com o oxigênio formando compostos oxidados estáveis, como o óxido de ferro, por exemplo (popularmente conhecido com ferrugem). O contato com esse vapor de água é potencializado quando há ocorrência de orvalho ou precipitações de chuva e nesse caso o processo de corrosão é acelerado.

Impactos da Corrosão Atmosférica.

Essa forma de corrosão pode gerar desde impactos mais simples, como, por exemplo, um aspecto visual de um componente, até situações mais complexas, como a perda de resistência mecânica de uma estrutura. A oxidação da superfície vai gerando perda de espessura do material e o resultado final pode ser a perda total do equipamento. Pode até mesmo colocar em risco a segurança de pessoas. Já  imaginou o possível acidente causado um processo corrosivo como esse na estrutura de uma ponte?

Como prevenir a corrosão atmosférica?

Esse processo corrosivo, apesar de ter potencial de gerar grandes problemas, também pode ser facilmente resolvido. Criar uma barreira entre a superfície exposta e o vapor de água é uma das alternativas. Esse processo pode ser realizado através da aplicação de uma pintura, por exemplo. Para superfícies de maior dificuldade de manutenção e que estão expostas a esse ambiente por longos períodos de tempo, recomendamos a aplicação prévia de um revestimento de alumínio aplicado por processo de aspersão térmica. A proteção é realizada por uma camada de óxido de alumínio que se forma na sua superfície e se torna uma poderosa barreira de proteção

O revestimento de alumínio também pode  ser utilizado para recuperação dimensional em peças de mesmo material e para resistência à corrosão por temperatura e agentes químicos. Atualmente, as maiores aplicações estão direcionadas para o setor de petróleo e gás, para proteger peças contra a ação da maresia.

 

Compartilhe este conteúdo:

Revestimento de Alumínio

Conheça todas as características técnicas desse revestimento para a proteção contra corrosão atmosférica.

ico-datasheet-2

Entre em contato conosco

Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

    Entre em contato conosco

    Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

      Qual é a sua necessidade?

      Entre em contato conosco e descreva qual o seu problema para que possamos avaliar de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

      Conheça os revestimentos contra desgastes metálicos e cerâmicos utilizados pela Rijeza.

      Conheça as principais aplicações dos revestimentos contra desgastes na indústria.

      Avenida Parobé, 3815, Boa Vista
      São Leopoldo / RS – CEP 93150-015

      Desenvolvido por SiriusPrime

      Qual a sua necessidade?

      Descreva abaixo de que forma podemos auxiliar o seu negócio:

        Agradecemos pelo seu interesse!

        Faça o download deste material clicando no botão a seguir:

        ×

        Olá!

        Clique no contato abaixo para iniciar uma conversa:

        × Como podemos ajudá-lo?